''Estou feliz porque Jobs se foi'', afirma Richard Stallman

Enquanto uma onda de comoção por causa da morte de Steve Jobs toma o mundo, uma voz contrária vem a público: Richard Stallman. Um dos maiores defensores do software livre, ele é fundador da Free Software Foundation e critica há anos a postura fechada da Apple.

Stallman publicou – reprodução do jornal O Globo, 07-10-2011 - em seu blog:

"Steve Jobs, o pioneiro do computador que é uma prisão mas que parece ser cool, projetado para privar os tolos de sua liberdade, morreu.

Como o prefeito de Chicago Harold Washington disse uma vez sobre o ex-prefeito corrupto Daley, 'Eu não estou contente por ele estar morto, mas estou feliz porque ele se foi.' Ninguém merece ter que morrer - nem Jobs, nem Sr. Bill (Gates), nem mesmo as pessoas culpadas por males maiores que os deles. Mas todos nós merecemos o fim da influência maligna de Jobs na computação pessoal.

Infelizmente, essa influência continua apesar de sua ausência. Podemos apenas esperar que seus sucessores, tentando levar adiante o seu legado, sejam menos eficazes." 

Fonte: http://www.ihu.unisinos.br
Comentários
0 Comentários

Imprimir ou salvar em pdf

Leia Também