Pesquisa indica que maioria da população não quer divisão do Pará

 
Pesquisa realizada pelo Datafolha revela que a maioria da população tende a optar pela não divisão do estado. O plebiscito sobre o desmembramento do Pará vai ocorrer no dia 11 de dezembro.

Encomendada pela TV Tapajós (Santarém), TV Liberal (Belém) e o jornal Folha de S. Paulo, a pesquisa ouviu paraenses a respeito da divisão do estado em três: Tapajós, Carajás e Novo Pará.

Dos 880 eleitores ouvidos em 42 municípios paraenses, entre os dias 7 e 10 de novembro, 58% se manifestaram contra a criação do estado do Tapajós; 33% são favoráveis à divisão; e 9% não sabem ou não responderam.

Conforme definiu o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os 4 milhões 839 mil e 384 eleitores paraenses terão de marcar em uma cédula na cor amarela se são a favor ou contra a divisão do estado para a criação do estado de Tapajós e Carajás.

No início de novembro, o professor da Universidade de São Paulo, o jurista Dalmo Dallari, publicou um artigo no qual criticava a omissão da mídia a respeito dos interesses em torno da divisão do Pará. De acordo com ele, se trata de interesses de grupos políticos e econômicos sendo “evidente que as condições de vida da população não estão entre os motivos da reivindicação”.
Enhanced by Zemanta
Comentários
0 Comentários

Imprimir ou salvar em pdf

Leia Também