Livro - Marx e a Dialética da Sociedade Civil - MARCOS DEL ROIO (org.)

Fonte: UNESP


O livro Marx e a Dialética da Sociedade Civil, resultado do já tradicional “Seminário Internacional de Teoria Política do Socialismo”, da Faculdade de Filosofia e Ciências da Unesp (FFC), em sua quinta edição, vem colaborar para a consolidação das inúmeras pesquisas sobre a Teoria Social Marxiana, que estão sendo desenvolvidas em diversas universidades brasileiras, latinoamericanas e europeias. 

Esses estudos internacionais se alargaram para afrontar as questões centrais de nossa época, em particular, após a crise das breves experiências socialistas e “socializantes” do século XX, em que a FFC teve papel de vanguarda, quando em abril de 1993 – em meio à onda de pessimismo e de ataques ao marxismo, notoriamente, as apressadas conclusões sobre a “impossibilidade” do socialismo a conhecida teoria do “fim da história” – organizou o seminário Liberalismo e Socialismo: Novos e Velhos Paradígmas.

Os temas abordados no livro inserem-se no amplo debate do assim chamado “marxismo do século XXI” e constituem buscas de alternativas e de repostas teórico-políticas para as novas demandas do capitalismo, enquanto ser social em situação de crise estrutural. Complexos aspectos da teoria marxiana são postos em discussão, iniciando-se pela necessária revisão das publicações tradicionais dos textos de Marx e Engels, agora redimensionados pelo ambicioso projeto MEGA², de publicação dos originais de acordo com a disposição organizativa dos manuscritos. Além disso, conceitos como revolução, consciência, alienação, trabalho e negatividade dialética são abordados com sofisticação e originalidade. 

Não poderia faltar, nesse denso debate, a questão das reflexões conceptuais no “jovem” e no “velho” Marx, assim como o próprio conceito polêmico de “sociedade civil”, ao qual Marx chamou de bürgerlisch Gesellschaft, ao criticar os limites teóricos da definição hegeliana e liberal da sociabilidade burguesa. 

Este livro dinâmico, atual e vibrante é a demonstração da pertinência histórica das questões abordadas pelas reflexões de Marx e por sua Teoria Social.
Comentários
0 Comentários

Imprimir ou salvar em pdf

Leia Também