O Papel das Ideologias na Formação do Campo Jurídico - Ana Lia Almeida

Resumo:

As ideologias atuam na formação dos sujeitos ligados ao campo jurídico de um modo fundamental para a reprodução da formação social. É por meio das ideologias que os sujeitos tomam consciência dos conflitos em que estão envolvidos e se posicionam em relação a eles, normalmente aderindo a uma perspectiva de conservação da ordem posta, que é dominante no âmbito jurídico. No entanto, também aqui há espaço para outras orientações ideológicas, que entram em embate com a defesa da ordem, buscando transformá-la, seja no sentido de uma reforma, seja no sentido da sua superação. O quadro analítico em que se apóia as reflexões do trabalho situa-se na tradição marxista – sobretudo nas formulações de Karl Marx, Gyorgy Luckács e István Mészáros –, buscando identificar e destrinchar estas perspectivas ideológicas contrapostas no campo jurídico. Em termos metodológicos, a opção pelo materialismo histórico busca compreender como essas forças contrárias se forjam nos reais embates que têm de travar no interior deste campo em que elas incidem, a partir de experiências concretas analisadas dentro do contexto da educação jurídica.
Palavras-chave: Marxismo; Direito; Ideologia.
Palavras-chave: Marxismo, Ideologia, Direito / Marxism, Ideology, Law.
Texto completo: PDF ';


Comentários
0 Comentários

Imprimir ou salvar em pdf

Leia Também